Melhores práticas para utilização de Formas nas Obras


16/01/2017 - Pashal

As formas são suportes temporários, que servem para modular o concreto recém preparado. Elas são preparadas para suportar os lançamentos de concreto até que este esteja suficientemente resistente para deforma. As formas metálicas, metálicas + compensado e formas plásticas são as mais utilizadas para construção de paredes de concreto.

Para garantir melhor aproveitamento das formas são importantes boas práticas de manutenção e utilização.

Boas práticas no uso de Formas


Escolher o melhor tipo de forma, que seja mais adequado para a obra a ser realizada, é extremamente importante para garantir a qualidade das paredes de concreto. Outro ponto significativo é lembrar que se deve respeitar criteriosamente à planta de formas do projeto estrutural. Tal projeto deve ser sempre disponibilizado junto com o conjunto de formas, pois somente com ele que se pode iniciar o serviço.

Os cuidados já iniciam na pré-montagem. Inicialmente é importante que o piso de apoio esteja perfeitamente nivelado. As armaduras devem ser perfeitamente fixadas no prumo e no eixo da parede, bem como nas aberturas, para janelas e portas por exemplo. Quando já há uma base pronta de concreto no local, utilizam-se ripas para sinalizar a localização das paredes, colocando-as no piso para assim criar um apoio para os painéis de forma e preservá-los no mesmo nível. A ripa ajuda ainda no estancamento da parte abaixo do painel de forma, impedindo assim que a argamassa escape.

Outra prática importante é montar as formas de acordo com o projeto estrutural, seguindo a ordem exata. Para isso os painéis devem vir todos numerados e relacionados no projeto para que sejam colocados na sequência correta. As formas precisam ainda ser utilizadas de modo a garantir o maior número possível de novas aplicações, possibilitando assim economia no material.

Para uma perfeita e fácil desenforma do concreto, é necessária aplicação de desmoldantes nas superfícies de contato antes mesmo de começar a montagem das formas. Esse produto deve ser aplicado em toda região e numa dose suficiente a fim de garantir o não surgimento de falhas na finalização da parede nem na ligação do revestimento. O produto pode ser aplicado com um rolo de pintura, pano ou escova.

Melhores práticas para utilização de Formas nas Obras