Conheça os principais riscos no canteiro de obras e como evitá-los


12/07/2017 - Pashal

Um dos mais importantes segmentos da economia brasileira, o ramo da construção civil também possui um alto índice de acidentes, que podem ocorrer por diversos motivos, entre eles, a falta de atenção no ambiente de trabalho, a baixa qualificação dos operários e a ausência de materiais de proteção adequados.  

A segurança no trabalho é essencial nestes locais, por isso saiba agora quais são os principais fatores de risco que podem prejudicar o andamento dos projetos nos canteiros de obras e a integridade dos trabalhadores, e como se pode evitar isso.

Fatores que colocam em risco a segurança de trabalho nos canteiros de obras

· Exposição de trabalhadores a ruídos

Na maioria das vezes, um canteiro de obras possui elevado nível de barulho causado por máquinas pesadas e ferramentas. Isto é capaz de prejudicar a audição de quem trabalha nestes locais, causando perda auditiva por ruídos.

Como evitar: Para evitar este problema, o empregador deverá disponibilizar protetores auriculares para os operários que ficarem expostos a ambientes com ruídos.

· Acidentes por queda de materiais

A queda de material é uma das maiores causas de acidentes na construção civil. Muitas vezes podem ser graves ou fatais. Pode ocorrer desde queda de objetos de pequeno e médio porte, até rompimento de estruturas completas, como vigas, que podem causar ferimentos graves e até a morte. Estes problemas ocorrem por falhas na construção, por falta da utilização de dispositivos ou redes de proteção con­tra quedas.

Como evitar: Para minimizar este problema, é essencial que os gestores exijam atenção redobrada dos funcionários e também exigir que usem capacetes e outros materiais de proteção.

· LER (Lesão por Esforço Repetitivo)

Lesões por Esforço Repetitivo (LER) ou DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados  ao Trabalho) são muito comuns também na construção civil. São provocadas por movimentos repetitivos e pelo funcionário estar em uma postura inadequada. Geralmente os problemas ocorrem nas mãos e punhos. Isso acontece por que os funcionários precisam fazer esforços muito intensos e lidar com uma jornada de trabalho longa.

Como evitar: é necessário fazer pausas de forma regular e fazer também alongamentos. A construtora deverá fornecer os equipamentos adequados para cada trabalho.

· Quedas

Quedas de funcionários são acidentes muito graves e ocorrem geralmente por falta de atenção.

Como evitar: é essencial que as atividades sejam realizadas com o máximo de cuidado, o funcionário deverá sempre utilizar cintos de segurança ao executar trabalhos em altura e evitar correr no canteiro de obras.

· Cortes

Muitas ferramentas utilizadas pelos trabalhadores da construção civil podem ser de grande porte, pesadas e afiadas, o que pode ser um risco para causa de cortes de média a alta gravidade, como lacerações. Isto acontece devido a falta de treinamento para o correto manuseio da ferramenta de trabalho.

Como evitar: atenção redobrada na execução do trabalho e o uso de luvas, capacetes e outras vestimentas de proteção.

· Intoxicação química

Pode ocorrer pela exposição a componentes químicos fortes por inalação ou contato da pele com a substância. Isso pode ocorrer, por exemplo, na execução de serviços de pintura ou impermeabilização. Pode causar intoxicação de alto grau, havendo risco de asfixia por falta de oxigênio.

Como evitar: seguir sempre a orientação de segurança de uso dos produtos químicos, indicada pelo fabricante; usar máscara protetora contra agentes químicos.

É sempre importante para as empresas de construção civil educar seus funcionários por meio de treinamento para as mais diversas situações no canteiro de obras e no correto uso de ferramentas e máquinas com o objetivo de prevenir acidentes.

Conheça os principais riscos no canteiro de obras e como evitá-los